Artigo

Segurança Pública e a Cidade


04/07/16

A segurança pública, sem dúvida, é hoje a maior angústia das famílias em Goiânia. Todos os dias, nos preocupamos se nossos entes queridos chegarão são e salvos em casa e se teremos paz em nossos lares.

Embora a lei brasileira defina que o Estado é responsável pela segurança pública, tenho a firme convicção de que o Município pode e deve contribuir. Se sonhamos com uma cidade que cuida das pessoas, não podemos nos omitir em fazer tudo que for possível para que tenhamos uma cidade mais segura e pelo direito a viver sem medo.

Acredito, considerando minha experiência em mais de 16 anos como Delegada da Policia Civil, e principalmente como chefe da Delegacia de Proteção a Crianças e Adolescentes, onde lidei por quase uma década com a violência que atinge as famílias de Goiânia, em todas suas formas mais tristes e cruéis, que devemos e podemos agir no âmbito da cidade.

As ações em busca de uma cidade que protege as pessoas deve ser prioridade para o gestor (a), e deve acontecer em dois planos  principais  ao mesmo tempo:

1 – Prevenção: Atuar firmemente com crianças e adolescentes para a prevenção ao envolvimento com as drogas e todas as formas de criminalidade, buscando sensibilizar toda a sociedade, igrejas, conselhos e entidades, liderando a cidade para que todas as pessoas de bem se unam em busca de uma cidade onde as crianças estejam livres e longe das drogas e da violência.

Neste sentido, é preciso que,  no horário em que as crianças e adolescentes não estiverem na escola, estarão praticando atividades esportivas das mais diversas modalidades, atividade culturais e artísticas, além de palestras regulares e especializadas, sobre o mal das drogas e sobre a cultura de paz. Por isso é necessário reativar as escolinhas esportivas em cada região da cidade e incorporar a cultura na vida cotidiana das crianças.

Ao completar 14 anos, dentro desta iniciativa do Poder Público Municipal, cada menino e menina se tornarão adolescente aprendiz e passará a receber salário para aprender um ofício e aos 18 anos sairá com emprego garantido, o que poderemos garantir com o estabelecimento de parceria com as empresas da cidade, nos moldes do programa Cidadão 2000. Tenho a certeza de que os empresários da nossa cidade querem e vão contribuir e participar de uma  parceria como esta, pois são solidários e possuem forte compromisso social.

2 – Segurança Comunitária: Com a nossa Guarda Civil Metropolitana, capacitada e estruturada,  diante de sua valorização, as transformações  já  iniciaram e precisam  avançar mais.

Desde 2013, quando fui secretária municipal de Defesa Social, busquei realizar mudanças na Guarda Civil Metropolitana, visando ampliar sua atuação, na perspectiva de colaborar não só no zelo com os prédios públicos, mas, sobretudo, atuar na proteção e cuidado das pessoas. Buscamos junto ao Governo Federal recursos para aquisição de novas viaturas, armas não letais e outros equipamentos necessários ao trabalho diário dos guardas metropolitanos. Além disso, fizemos convênio com as polícias Civil e Militar do Estado, que possibilitaram a atualização e capacitação dos GCMs e cuidamos para que atuassem na prevenção às drogas com o programa Anjos da Guarda.

Com os recursos do programa federal Crack é Possível Vencer, implantamos o videomonitoramento que atua nas principais vias de Goiânia, com o objetivo de coibir a presença dos traficantes e identificar usuários que queiram fazer tratamento para livrarem-se da dependência química. Implantamos e autorizamos, após cursos e testes psicotécnicos, em parceria com a Polícia Civil e a Polícia Federal, o uso da arma de fogo, de forma a possibilitar o guarda metropolitano atuar no trabalho ostensivo efetivamente.

Hoje a Guarda Civil Metropolitana de Goiânia, é a 3ª maior proporcionalmente do País, em contingente de agentes de Segurança Pública Municipal, e tem como comandante o policial civil, Elton Magalhães, que deu continuidade ao nosso trabalho, na  implantação do  Plano Municipal de Segurança Pública com um trabalho que prevê ações na prevenção primária como Anjos da Guarda, Guarda Mirim e Banda de Música e também na prevenção ostensiva através de rondas e patrulhamento que hoje tem sido um diferencial na Segurança da nossa cidade auxiliando as demais forças de segurança.

Nossos Guardas Civis Metropolitanos têm colocado em prática no dia a dia a filosofia da polícia cidadã. Que cuida das pessoas, que colabora no monitoramento e ronda que atua juntamente com as polícias co-irmãs na proteção de vidas e não só no cuidado com o patrimônio material. O programa Goiânia Mais Segura que consiste em levar um efetivo de mulheres e homens, com estrutura e policiamento intensivo para determinada região da cidade, foi implantado na região Leste de Goiânia por aproximadamente 03 meses, e já apresenta resultados animadores. Num período de 23 dias, a taxa de homicídio que era a mais alta da capital, caiu à zero. Apesar deste  trabalho estar em fase de implantação, vê-se que mesmo não sendo atribuição do município, é possível fazer muito pela segurança do nosso município.

Avançando na capacitação e, sobretudo, na estruturação da nossa GCM, com viaturas, motos, equipamentos e uso da tecnologia aplicada à segurança, através do VIDEOMONITORAMENTO, em parques, praças, vias públicas e locais de incidência criminal, certamente iremos colaborar em muito com o trabalho das nossas policias civil e militar.

É assim que todos nós precisamos ver o problema da Segurança Pública: Todos nós somos responsáveis. Os agentes de segurança realizando o seu trabalho com estrutura compatível e baseado no respeito à dignidade das outras pessoas; o executivo atuando nas diferentes áreas, priorizando, nas áreas social, educação e saúde a PREVENÇÃO junto às crianças, adolescentes e famílias, e ainda, levando serviços básicos como limpeza urbana e iluminação pública, educação e cursos de capacitação para adolescentes, ações culturais de inclusão e por último, a população, participando, exercendo o seu papel como cidadão, cidadã: monitorando, fiscalizando, colaborando para que o trabalho dos agentes de segurança municipal e dos policiais seja eficiente, combatendo a violência e defendendo a Vida.

Na cidade é que a gente vive, constrói nossa família e toda nossa trajetória, e por isso é o lugar que todos devemos amar e cuidar, o lugar que a gente pode ser feliz!

 

 

 

Leia outros artigos


^ ir para o topo | página inicial | contato


Email: contato@delegadaadrianaaccorsi.com.br
Assembléia Legislativa - Palácio Alfredo Nasser, Alameda dos Buritis, 231, Setor Oeste - Gabinete 32
Telefone: 62 3221 3205

© 2015 Deputada Estadual Delegada Adriana Accorsi. Todos os direitos reservados.